Governo do Rio Grande do Sul lança CovidBot

O CovidBot é a mais nova arma do governo do Rio Grande do Sul para combater a desinformação em torno do coronavírus. Dúvidas sobre a transmissão, os principais sintomas da doença, as formas de prevenção e o avanço do vírus a partir de agora serão respondidas com ajuda da Inteligência Artificial (IA).

O chatbot, programa de computador que tenta simular um ser humano em um processo de conversação, foi lançado essa semana pelo governador Eduardo Leite e irá auxiliar as pessoas que acessarem pelo rs.gov.br, plataforma oficial de relacionamento entre o Estado e o cidadão gaúcho, e o site da Secretaria da Saúde.

Ao entrar nestes canais, o usuário encontrará um ícone no canto da tela, pelo meio do qual poderá começar a interagir em forma de bate papo. O usuário pergunta, e o bot responde utilizando como base dados médicos e científicos sobre a Covid-19 divulgadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelas principais autoridades da área.

O bot é uma iniciativa da All in One (aio), martech da Venture Builder 4all, em parceria com a botmaker, e está sendo oferecido gratuitamente ao Governo do Estado do Rio Grande do Sul. “É um dispositivo robotizado interativo de perguntas e respostas, especializado em coronavírus e que fornece informações confiáveis ao cidadão nos canais digitais já usados pelo governo”, explica o CMO da 4all, Thiago Ribeiro.

O sistema usa tecnologias como Machine Learning e Inteligência Artificial na sua estrutura e, com isso, tem a habilidade de aprender conforme forem ocorrendo as interações das pessoas e também de melhorar as suas respostas futuras. “Se o cidadão fizer uma pergunta e o bot não souber a resposta, ele joga isso em um repositório e sinaliza para a gente que deseja aprender. Feito isso, nós vamos lá e abastecemos com a informação”, relata. Todos os conteúdos são continuamente validados pela Secretaria da Saúde.

O chatbot é resultado de um trabalho conjunto entre a Secretaria da Saúde, Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE), Procergs e 4all, empresa fundada em 2015 por José Renato Hopf e Ricardo Galho e composta por um hub de empresas digitais. “Esse bot representa o compromisso que a 4all tem com a sociedade, principalmente em ajudar a levar a informação correta para o cidadão e combater a Fake News”, complementa Ribeiro.

Ler notícia

Você faz parte da mídia?

Entre em contato com a gente enviando um e-mail para news@botmaker.com.